quinta-feira, 26 de maio de 2011

CAT IN THE BRAIN aka UN GATTO NEL CERVELLO - 1990

SINOPSE:

O diretor Lucio Fulci está rodando um filme sobre um psicopata canibal . Nada de diferente na carreira do cineasta se o mesmo não estivesse particularmente impressionado com as violentas cenas . O estranho efeito psicológico levou Fulci a procurar o professor Egon Schwarz , renomado psiquiatra . Porém , depois de uma sessão de hipnose , Fulci passa a sofrer de alucinações cada vez mais intensas e frequentes a ponto de não reconhecer mais o limite entre realidade e ficção . Enquanto isso um psicopata real passa a matar mulheres próximo a locais frequentados pelo diretor . Fulci pressente os assassinatos e de alguma forma acaba sempre na cena do crime . Cada vez mais confuso Fulci teme que inconscientemente esteja por trás dos brutais assassinatos.



Formato: Avi / DVDRip
Tamanho: 699MB
Duração: 93 minutos
Idioma: Inglês
Legendas: Português / Traduzida por Claudio Gameiro
LINKS: megaupload 7 partes

http://www.megaupload.com/?d=OMSFQWCK
http://www.megaupload.com/?d=GVQ7WWH1
http://www.megaupload.com/?d=ZP3ODAQT
http://www.megaupload.com/?d=JIWQ91HR
http://www.megaupload.com/?d=TMNEHJFS
http://www.megaupload.com/?d=W7UHKH07
http://www.megaupload.com/?d=QCABGC7S

senha p/descompactar
www.cinespacemonster.blogspot.com



COMENTÁRIOS
Retirado do site Boca do Inferno



Quando o Mestre do Horror Brasileiro José Mojica Marins realizou seu protesto contra a censura através do clássico DELÍRIOS DE UM ANORMAL, em 1976, a experiência de se criar um filme de horror composto de colagens de diversas cenas de produções do próprio cineasta acabou resultando em um desdobramento cinematográfico inesperado que foi levado a proporções inacreditáveis em 1990 pelo Maestro do Gore e Pai dos Zumbis Carniceiros: Lucio Fulci. O resultado desse desdobramento é o filme CAT IN THE BRAIN, onde o próprio Fulci aparece em cena como ele mesmo tendo uma série de alucinações macabras devido aos longos anos de produções de imagens sangrentas e brutais. Ao consultar um psiquiatra sinistro e completamente desequilibrado ele acaba virando uma marionete nas mãos deste através da hipnose que joga Fulci em um abismo de loucura e delírio.
Após a aparição dos gatos sobre as vísceras entra em cena um homem que aparentemente prepara um churrasco inocente. O que vemos em seguida é o tal homem esquartejando a sua mulher com uma serra-elétrica em uma sequência absurda com desdobramentos canibalísticos. E isso é só a abertura do filme, o espectador será exposto a coisa muito pior Os absurdos que são encenados em momentos de gore quase ininterruptos começam já na criativa cena de abertura que mostra do alto o diretor fazendo anotações de um roteiro. A câmera “entra” na cabeça de Fulci e o que vemos em seguida é um chão de vísceras reluzentes com sinistros gatos andando sobre elas. Essa imagem inaugural é o ponto de partida para o jogo de metalinguagem onde o filme entra dentro de outro filme e daí por diante transformando cada cena seguinte em um momento de inesperados desdobramentos onde realidade e ficção nessa colagem anárquica de cenas de dois filmes de Fulci:WHEN ALICE BROKE THE MIRROR e GHOSTS OF SODOM ambos de 1988, além de MASSACRE, um bizarro slasher de Andréa Bianchi mesclados a material inédito enfatizando muito os bastidores de uma filmagem e o convívio com produtores e assistentes.

 


A construção de uma espiral de imagens extremas brinda os fãs ardorosos de gore extremo com cenas elaboradas como a do chuveiro onde uma mulher nua e de formas generosas recebe golpes de uma enorme faca que tem seu tamanho assustadoramente aumentado através de um truque ótico. Em um determinado momento cinco assassinatos seguidos são encenados em poucos minutos começando com o sangrento extermínio de um casal que está transando dentro de um carro, obviamente no meio do mato e durante a noite, seguido de dois homens e uma mulher que são brutalmente mortos em uma casa de barcos, com requintes de crueldade.
As cenas que Fulci mostra para seu bizarro psiquiatra são do filme WHEN ALICE BROKE THE MIRROR onde um bizarro casal se agride violentamente por causa do ensurdecedor canto lírico da mulher. As alucinações de Fulci dentro da própria casa variam desde uma menina de cadeira de rodas caindo de uma escadaria de pedras, passando por sangrentas mortes como a de um empregado que tem o pescoço atropelado por uma roda da tal cadeira, uma mulher que tem a língua arrancada e até uma cabeça dentro de um forno elétrico.
Imagens demoníacas filmadas em um cemitério durante a noite se misturam nessa orgia bizarra de horror com uma seqüência onde uma gorda e felliniana prostituta é brutalmente esquartejada pelo tal psiquiatra que tem uma cara muito especial para o papel, sorrindo de uma maneira assustadora onde constrói uma máscara insana da morte.
Cenas de tortura e orgia encenadas por personagens com uniformes nazistas aparecem também como um dos muitos delírios de Fulci dentro da história e foram retiradas do filme GHOSTS OF SODOM. Do slasher de Bianchi foram retiradas e coladas cenas absurdas como a de uma decaptação feita com a porta de uma espécie de armário...



Na cena da mulher estrangulada com a corda de um piano temos uma elaboração não só da construção dessa cena, mas de todo o enquadramento onde ao fundo se observa uma imagem congelada em um televisor onde aparece um filme de Fulci onde se destaca o rosto agonizante de uma mulher. Proibido e até banido de muitos países como a Alemanha e o Reino Unido, CAT IN THE BRAIN ressurgiu completo com o advento do DVD sendo editado sem cortes em vários países em 2003. Um dos títulos do filme NIGHTMARE CONCERT tem um sentido muito particular. Fulci, com o auxílio de seu amigo e montador Vicenzo Tomassi, parece reger uma longa sinfonia de horror extremo ironizando a si mesmo e ao seu trabalho quase no final da vida como se CAT IN THE BRAIN fosse uma espécie de FILME TESTAMENTO. Um dos maiores gênios da História do Horror Cinematográfico: Lucio Fulci deixou um legado único unindo além de um forte apuro visual, uma subversão das imagens cada vez mais extremas da violência com uma autoria muito imitada mas nunca igualada. Como bem afirmou certa vez Ruggero Deodato, autor do clássico CANNIBAL HOLOCAUST, em uma entrevista: “Dario Argento é perfeccionista e Lucio Fulci é intuitivo, epidérmico...” Concordo plenamente com Deodato, que assim como eu e a maioria dos fãs, adora o trabalho dos dois.


DIREÇÃO 
 
Lucio Fulci
 
ELENCO
 
Lucio Fulci (Dr.Lucio Fulci);
David L. Thompson (Professor Egon Schwarz);
Jeoffrey Kennedy (Oficial Gabrielli);
Malisa Longo (Katya Schwarz);
Ria De Simone (Sopran - 'When Alice Broke the Mirror');
Brett Halsey (Monstro - 'When Alice Broke the Mirror');
Sacha Darwin ('When Alice Broke the Mirror');
Robert Egon ('Ghosts of Sodom');
Shillett Angel (Filipio, o produtor);
Paola Cozzo (enfermeira Lilly);
Layla Frank


SCREENSHOTS

 

Um comentário:

Para os que comentam anônimos, por não serem membros, pedimos que coloquem seus nomes ou apelidos no final ou inicío da mensagem