domingo, 26 de abril de 2015

TROG aka TROG,O MONSTRO DA CAVERNA - 1970 - LEGENDADO E DUBLADO ( HERBERT RICHERS)

POSTADO PRIMEIRAMENTE EM  26/08/2010



SINOPSE:


Último filme de Joan Crawford, onde ela interpreta uma antropóloga que defende um primitivo antropóide, encontrado numa caverna, contra uma comunidade que quer destruí-lo. A Dra. Brockton utiliza de drogas e tenta se comunicar com o troglodita




VERSÃO DUBLADA
Formato: Avi / DVDRip
Tamanho: 885MB
Duração: 93 minutos
Idioma: Português / Dublagem HERBERT RICHERS

Link Único 4shared:
http://www.4shared.com/rar/Ve8nbHA9ba/trogdubla.html

senha p/descompactar
www.cinespacemonster.blogspot.com


VERSÃO LEGENDADA
Formato: BD-Rip/MKV 
Tamanho: 2,56GB 
Duração: 93 minutos 
Proporção da imagem: 16:9 (1278X720) 
Idioma: Inglês 
Legendas: Português (srt, na pasta) TRADUZIDAS E SINCRONIZADAS POR MAJOR

Links em 6 partes MEGA:
UPLOAD POR MAJOR


senha p/descompactar
www.cinespacemonster.blogspot.com




COMENTÁRIOS

Joan Crawford quando esteve em São Paulo em 1970, para inaugurar uma fábrica da Pepsi Cola, disse que aceitou fazer “Trog” apenas por ser um filme de ficção, gênero que nunca tinha experimentado em seus 45 anos de cinema. Ela ficou triste na época com os maus comentários sobre o filme, jamais sobre ela, que está soberba como sempre. O filme foi lançado nos Estados Unidos em programas duplos com o “Sangue de Drácula” (Taste the Blood of Dracula - 1970), e o mesmo fez sucesso de bilheteria em Londres sendo lançado num circuito de 8 cinemas da rede Odeon e foi uma das maiores bilheterias de 1971 segundo o produtor Herman Cohen que produziu seu filme anterior “Espetáculo de Sangue” (Berserk! - 1967) sendo este a maior bilheteria da Columbia de 1968 nos Estados Unidos. Seus dois filmes anteriores de terror para o diretor e produtor William Castle “Eu vi que foi você” (I Saw What You Did - 1965) e “Almas Mortas” (Strait-Jacket – 1964) também foram recordes de bilheteria, principalmente “Almas Mortas” que segundo Castle, custou 400 mil dólares e rendeu 5 milhões (na época, em janeiro de 1964) e foi uma das maiores bilheterias da Columbia do ano. Nesse mesmo ano o filme de horror da sua rival Bette Davis “Alguém morreu em meu lugar” (DeadRinger – 1964) custou 800 mil dólares e rendeu 500 mil sendo um dos maiores fracassos do ano.
Esses filmes de horror de Miss Crawford não eram produções de primeira linha, mas “trash”, nunca, pois só ela já elevava a categoria do filme, e hoje ela deve estar muito feliz por ver todos eles editados em DVD reavaliados positivamente pela crítica e os mesmos lhe trouxeram uma nova legião de Fãs e os dois maiores críticos de cinema deste país, o falecido Rubem Biáfora e Inácio Araújo da Folha de São Paulo, viram o filme “Trog” e adoraram, ambos discordando apenas da direção um pouco frouxa de Freddie Francis que pareceu intimidado ao dirigir uma estrela da magnitude de Joan Crawford, mas ela já em seus áureos tempos (décadas de 40 e 50) já era conhecida por dirigir a si própria - Bette Davis fazia a mesma coisa -e falando em Bette e em filmes “Trash”, leiam o comentário dela a respeito dos filmes que ela fez na Itália depois de “O que aconteceu com Baby Jane?” (What ever happened to Baby Jane? - 1962): “Rodá-los foi um pesadelo, assistí-los outro, são quilômetros de tédio”.





SCREENSHOTS
VERSÃO DUBLADA




4 comentários:

  1. Eu já fiz um post sobre Trog no meu blog.
    Aliás, a minha história com esse filme é curiosa: eu vi pela 1ª vez no início dos anos 80, quando eu era criança e o filme passou na TVS (que hoje é o SBT). Depois, nunca mais ouvi falar do filme.
    Há alguns poucos anos, navegando pela Internet, voltei a esbarrar com ele. Li o roteiro, vi o trailer dele no YouTube, mas não encontrei o filme propriamente dito pra ser assistido em lugar nenhum. Até que, há uns 2 ou 3 anos atrás, encontrei ele numa locadora. E aí, mais de 30 anos depois, pude rever. E o mais engraçado é que algumas cenas eu ainda lebrava direitinho como eram!rs

    ResponderExcluir
  2. Muito bom
    Também assisti no inicio dos anos 80 na TVS(sbt) e depois nunca mais foi reprisado.
    Muito obrigado pela postagem

    ResponderExcluir
  3. Os links estão off. Dá para reupar. Obrigado.

    ResponderExcluir
  4. Faz tempo que não assistia também!
    Já estou "importando", rsrsrs...

    VALEU a postagem!!!

    ResponderExcluir

Para os que comentam anônimos, por não serem membros, pedimos que coloquem seus nomes ou apelidos no final ou inicío da mensagem