quinta-feira, 12 de março de 2015

THE SON OF KONG AKA O FILHO DE KONG - 1933


SINOPSE: 
Após os resultados desastrosos de sua última expedição, Carl Denham deixa Nova York a bordo de um barco para fugir de todos os processos judiciais que foram movidos contra ele devido a destruição que Kong promoveu na cidade. Após um motim, ele e alguns companheiros são deixados para trás na Ilha da Caveira, onde eles encontram um parente menor e mais amistoso de King Kong e fazem amizade com ele.



 DIREÇÃO:
 Ernest B. Schoedsack


ELENCO:
Robert Armstrong..........Carl Denham
Helen Mack....................Hilda
Frank Reicher................Capitão Englehorn
John Marston................Helstrom 
Victor Wong..................Charlie (O Cozinheiro Chinês)
Ed Brady.......................Red



Formato: DVD-Rip/AVI 
Tamanho do arquivo: 548MB 
Duração: 1h 09min 
Proporção da imagem: 4:3 (640X480) 
País de origem: Estados Unidos 
Idioma: Inglês 
Legendas: Português (srt, na pasta) TRADUZIDAS E SINCRONIZADAS POR MAJOR



LINKS DO FILME DIVIDIDOS EM SEIS PARTES NO 4SHARED:

senha p/descompactar 
www.cinespacemonster.blogspot.com


COMENTÁRIOS:

O filme foi produzido e lançado em 1933, imediatamente após o sucesso de King Kong, e foi um sucesso modesto. O roteiro da escritora Ruth Rose intencionalmente não fez nenhuma tentativa de se fazer um filme sério, pois na sua ótica ele não poderia superar o primeiro. Ela afirmou: "Se você não pode torná-lo maior, torne-o mais engraçado." Por sua parte, o ator Robert Armstrong (Carl Denham), preferiu o segundo filme, dizendo que a sequência desenvolveu mais o caráter do seu personagem.

 

O roteiro contou com cenas de guerras tribais e um clímax com o pequeno Kong lutando contra um dinossauro durante um enorme ciclone/terremoto. A produção iria utilizar em algumas sequências os modelos que tinham sido construídos para Creation (1931) (a maioria deles usado no filme anterior, King Kong). No entanto, elas nunca foram filmadas devido ao orçamento apertado e o cronograma de filmagem.




A personagem de Helen Mack nunca é chamada de "Hilda" no filme. O nome "Hilda" é usado nos créditos iniciais e seu pai se refere a ela como "Madame Helene" durante o show. Carl Denham a chama apenas de "garota".

O pequeno Kong era chamado como “Kiko" durante a produção, mas este nome nunca é usado no filme ou em materiais de divulgação.

Por conhecerem pouco sobre o processo de Stop-Motion utilizado por Willis O'Brien em "King Kong", os produtores Cooper e Schoedsack deram total liberdade para O'Brien trabalhar. No entanto em o "Filho de Kong" quiseram se envolver mais no processo, uma situação que irritou  O'Brien. Em vez de discutir o assunto, O'Brien raramente aparecia para trabalhar no estúdio, e Buzz Gibson teve que terminar as animações sem ele. Ele pediu para Cooper para retirar seu nome dos créditos, mas o produtor se recusou.

SCREENSHOTS








3 comentários:

  1. Major meu amigo !
    Que grande felicidade em ver mais post de sua autoria , todos nós agradecemos
    Muito obrigado, adorei os comentários !

    ResponderExcluir
  2. Obrigado Carlos e Douglas, um grande abraço!

    ResponderExcluir

Para os que comentam anônimos, por não serem membros, pedimos que coloquem seus nomes ou apelidos no final ou inicío da mensagem