domingo, 5 de junho de 2016

MILL OF THE STONE WOMEN aka O MOINHO DAS MULHERES DE PEDRA - 1960



INACREDITÁVEL... uma linda garota transforma-se num MONSTRO PETRIFICADO!”



SINOPSE:

Em 1912, Hans von Arnim (Pierre Brice) chega em Vezze, uma pequena localidade na Holanda, a fim de reunir informações sobre o centenário de uma atração turística local chamada de “Carrossel” e que está instalada num antigo moinho de propriedade do Prof. Gregorius Wahl (Herbert A.E. Böhme). E ao se envolver com a linda e misteriosa filha do Prof. Wahl, ele perderá a noção de onde termina a realidade e onde começam os pesadelos.
Novos links



DIREÇÃO:

Giorgio Ferroni

ELENCO:

Pierre Brice .......... Hans von Arnim
Scilla Gabel .......... Elfy Wahl
Wolfgang Preiss .......... Dr. Loren Bohlem
Dany Carrel .......... Liselotte Kornheim (as Danny Carrell)
Herbert A.E. Böhme .......... Prof. Gregorius Wahl (as Herbert Boehme)
Liana Orfei .......... Annelore
Marco Guglielmi .......... Ralf
Olga Solbelli .......... Selma
Alberto Archetti .......... Konrad





Formato: Dvdrip Xvid Avi
Tamanho do arquivo: 1,15 GB
Duração: 1h 30min
Cor: Colorido (Technicolor)
Proporção da imagem: 1,68:1 (672x400)
País de origem: Itália / França
Idioma: dublado em inglês
Legendas: português (srt, na pasta)

Links para download
(em 4 partes, PCloud e Mega):

senha p/descompactar:
www.cinespacemonster.blogspot.com

legendas originais: opensubtitles
Uploader: zombie_paradise

Revisão e sincronismo: Carlos Solrac







COMENTÁRIOS:

MILL OF THE STONE WOMEN, lançado em 1960, é uma coprodução ítalo-francesa do gênero terror dirigido por Giorgio Ferroni. O título original em italiano desse filme é IL MULINO DELLE DONNE DI PIETRA. Na França foi chamado de LE MOULIN DES SUPPLICES.





























Tudo acontece na Holanda, em 1912, quando um sujeito chamado Hans van Harnim (Pierre Brice) chega em Veeze a fim de reunir informações para um livro que está sendo escrito sobre o centenário do “Carrossel”, uma atração turística local e que é conhecida pelos moradores da região como sendo "O Moinho das Mulheres de Pedra".

O atual proprietário da atração é o professor e escultor Gregorius Wahl (Herbert A.E. Böhme) cujo bisavô foi o criador do “Carrossel”. Trata-se de um intrincado dispositivo mecânico adaptado dentro de um antigo moinho de grãos onde estátuas de pedra são movimentadas sobre um elaborado sistema de trilhos. É uma estranha e macabra exposição onde personalidades femininas históricas e assassinas notórias, em tamanho natural, são exibidas em “terríveis e assustadoras” cenas de tortura, suplício e morte.



Logo que chega ao moinho, Hans é recebido pela governanta do local e enquanto espera que sua presença seja comunicada ao Prof. Wahl, vê o rosto de uma linda e jovem mulher, mas com olhar muito triste, olhando para ele por trás de uma cortina. Ele até que tenta, mas não consegue falar com a moça.

Ao perceber a importância da visita de Hans para o “Carrossel”, o professor dá um prazo muito curto para que Hans termine suas pesquisas e pede que o trabalho seja iniciado imediatamente.


No final do dia, quando está pronto para sair, Hans vê novamente aquela moça que estava atrás da cortina. E mais uma vez não consegue falar com ela, pois é interrompido por um sujeito que aparece furtivamente e se apresenta como o Dr. Loren Bohlem (Wolfgang Preiss).

No dia seguinte, enquanto estava trabalhando, a tal moça se apresenta como Elfy (Scilla Gabel). Ela diz que precisava vê-lo com urgência, mas sem que ninguém soubesse, e pede que ele volte ao moinho às onze horas daquela noite, quando todos já estiverem dormindo.


INACREDITÁVEL!
VEJA UMA LINDA GAROTA TRANSFORMAR-SE
NUM MONSTRO PETRIFICADO
DIANTE DE SEUS OLHOS!

Uma aterrorizante história de paixão e suspense
que irá marcar sua memória para sempre!


Ele atende ao pedido de Elfy, vai até o moinho na hora marcada e acaba cedendo aos encantos e desejos da moça. Mas teria sido melhor que ele tivesse ficado em casa dormindo e arranjasse uma desculpa qualquer no dia seguinte.

Essa é uma coprodução ítalo-francesa e que está dublada em inglês. Eles estão na Holanda, mas no filme aparece uma frase escrita à mão em italiano, um bilhete escrito em inglês e também temos uma canção em francês.

Apenas como curiosidade: um filme bastante conhecido do diretor Giorgio Ferroni é o faroeste spaguetti UN DOLLARO BUCATO (1965) [O Dólar Furado] que foi estrelado por Giuliano Gemma. Por razões mercadológicas Giuliano Gemma foi creditado como Montgomery Wood e próprio Giorgio Ferroni também teve seu nome “americanizado” e foi creditado como Calvin Jackson Padget.



SCREENSHOTS


Um comentário:

  1. Olá, parabéns pelo site!
    Por favor, verifique o link da primeira parte, pois recebo a mensagem de que o arquivo foi deletado.
    Grato!

    ResponderExcluir

Para os que comentam anônimos, por não serem membros, pedimos que coloquem seus nomes ou apelidos no final ou inicío da mensagem